Alguma novidade sobre concurso para cfo no rio de janeiro.

Exibições: 2498

Responder esta

Respostas a este tópico

Bom dia! Pessoal alguma novidade sobre o edital do CFO, Edson Trindade, Nemeses? souberam de mais alguma coisa, em menos de 1 semana entra em vigor o decreto e como ele foi editado em 8 de junho ou seja, já se passaram 18 dias e nada de novidade.

Boa noite irmão, eu tenho dois pontos positivos a colocar, o primeiro seria o fato do edital já estar pronto aguardando aprovação de orçamento para contratação de uma Banca, que pode inclusive ser a própria UERJ não seria o vestibular UERJ, mas seria a faculdade elaborando o concurso. O decreto restringe novos concursos exceto os que já se encontram em andamento, a partir daí vai ser uma questão de interpretação, sei que muitos aqui vão dizer que edital pronto não é concurso em andamento, mas sinceramente não tenho certeza se isso realmente não pode vir a ser um argumento consistente frente a necessidade da Corporação em realizar esse concurso. O segundo ponto seria a grande quantidade de reuniões da comissão encarregada da elaboração do novo protocolo para concursos na PMERJ e construção do perfil profissiográfico dos candidatos ao CFO, tem sido publicado as atas das reuniões dessa comissão com muita frequência nesse mês, o que revela um grande esforço em apresentar um resultado, que acredito eu que seja em virtude do prazo pra esse Decreto entrar em vigor. Como já disse aqui, isso tudo se trata das minhas conclusões tiradas com base nas informações que tenho acesso, acho que devemos ter muita responsabilidade na hora de publicar qualquer comentário, principalmente quando se trata do planejamento das vidas de outras pessoas.

Boa Tarde companheiro, se houver vontade politica para que saia o concurso possa ser que ocorra, a questão do decreto sobre os concursos, realmente conversando com pessoas que entendem um pouco mais, no caso do CFO PMERJ caso ele não fosse tornado público antes da data, não haveria valor algum, pois o que vale e a data do lançamento do mesmo em DO, a questão da UERJ tem só um problema, a greve que a instituição passa, mas como disse se houver vontade política a coisa ocorre, passamos pro outro problema que  é a questão de não estarem pagando nem os que já estão dentro, a própria situação do sec de segurança onde estão pedindo a cabeça do mesmo conforme noticiado no extra de hoje, ou seja são muitos fatores ocorrendo ao mesmo tempo, a questão das reuniões ela visa padronizar os concursos como um todo e não somente o CFO, e se olharmos quantas reuniões já tiverem nos últimos anos em relação a novo ingresso, formas de ingresso, reunião com o cmt geral ano passado lá no CICC, ficamos sem saber o que realmente pode ocorrer.   

Bom dia camaradas! sabemos que o decreto entra em vigor hoje, porém a informação que recebi foi de que o CMT Geral está realizando esforços para que mesmo com o decreto em vigor, o concurso ocorra em caráter excepcional, devido a peculiaridade do CFO, sinceramente não sei se ele vai obter êxito, prefiro acreditar que sim, publicou no Bol de hoje, o PAE para o ano de 2017, com previsão para apenas o 1º ano do CFO, (com coerência, pois o PAE para o ano de 2016 previu turmas para os 3 anos, quando na APM encontraria-se apenas uma) de acordo com o BOL estão previstas 60 vagas, de 18 a 30 anos, sem limite de idade para quem já é Mike, porém sem previsão de datas, acredito qiue mesmo com esse decreto em vigor, se o CMT GEral conseguir transmitir a necessidade do CFO para a PMERJ, que não se trata de um concurso para um cargo comum, podemos ainda ter concurso.

Bom dia a todos!!! O Cmt geral estava a tempo nessa empreitada bem antes do decreto aparecer, não quero desanimar ninguém, mas as condições do Rio atualmente estão insustentáveis, e sinceramente caso não haja CFO não haverá tão grande impacto na corporação, tem uma turma formando agora, o que pode ocorrer no máximo é talvez sobrecarregar os já formados, tenho muito interesse no concurso, mas é muito informação desencontrada, o ex cmt geral informou em um reunião em março de 2015 que não haveria CFO em 2015, logo eles tiveram um tempo enorme para elaborar edital, ver tudo que precisava, mas mesmo assim mais uma vez a coisa não ocorreu, 1 ano e 3 meses desde a reunião e nada de edital, espero que saia o edital em 2016 apesar de ser muito difícil, hoje o policial militar já formado só recebeu 1000,00 mais 50% do seu salário, os já formados... imagina abrir concurso para ter que pagar alguém em curso de formação, hoje no estado tem vários aguardando para serem nomeados, gente que já fez tudo, na Educação, Saúde, na PCERJ, segundo informações da internet são mais de 1000 aguardando nomeação, volto a dizer apesar de não valer muita coisa, não se poderia retirar o CFO da UERJ sem antes ter algo organizado definitivamente, hoje temos uma situação onde o candidato não sabe nem pra que estuda, grande abraço Nemeses e aos demais colegas do grupo!

Fala Leandro, concordo com você que o panorama é negativo, porém acho que essa lacuna de tempo sem CFO, acarreta em outros problemas além da sobrecarga dos formandos, implica também, na questão das promoções, quadro de acesso, etc... vamos aguardar pra ver o que vai acontecer. Forte abraço!

Boa noite pessoal! Alguma novidade por esses dias?

RSS

Publicidade

© 2017   Criado por Alexandre de Sousa.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço